Projeto: Box Mutantes - Entre Bruxos e Duendes // Desenvolvimento de um box coletânia da banda Mutantes, contendo dois Cds. Debochados, criativos e irreverentes, Os Mutantes faziam parte da Tropicália movimento de ruptura que sacudiu o ambiente da música popular brasileira entre 1968 e 1969.

Projeto: Produto de higiene bucal infantil - Gel dental Crazy Cat //
O produto tem como objetivo chamar atenção de seu público através de suas cores e seus sabores diferenciados, como os sabores de melancia e anis que ainda não tinham sido lançados no mercado de higiene bucal. A marca Crazy Cat se diferencia, pois tenta adaptar movimento em seu layout, fazendo com que a criança tenha um maior interesse em consumir o produto (criança gosta de agito, movimento e de muita cor). A escolha do sabor melancia está associada a personagem Magali da Turma da Mônica que conversa perfeitamente com o público direcionado, já a escolha do sabor anis é devido a sua associação direta a sabores adocicados.

Projeto: Embalagem de Chocolate - Maria Cereja // Desenvolvimento de uma embalagem de chocolate de bolinha, com receio de licor de cereja, tendo posteriormente a possibilidade de lançar outras variedades de licores ou bebidas diferenciadas. O produto será embalado por uma lata que irá se diferenciar no mercado (na categoria de confeitos), o que o confere sofisticação alem do valor agregado de uso, pois a lata pode ser reutilizada pelo consumidor, tanto pela praticidade quanto pela importância do layout que terá valor colecionável dentro do design de embalagem.

Projeto: Folder - Propostas de novas soluções para o país (Brasil) // O Folder foi baseado no clipe "Year of the Rat" da banda "Badly Draw Boy, que aborda assuntos com a intolerância humana, resistência pela afetividade, stress diário, tragédias, caos urbano, violência moral e física fazendo um contraponto com a afetividade (abraços), solidariedade, busca, respeito, amor acima de tudo, paz no mundo, satisfação, bem estar, agradecimento... proporcionando uma linguagem extremamente poética, características inseridas no folder. Decidi explorar o cão (segundo personagem de destaque no clip), pois minha intenção era estimular e incentivar alguns comportamentos do homem, como a atitude e criatividade, a figura do cão no clip está ligada a sentimentalidade, lealdade e atitudes conjuntas com seu dono (o cão transmite proteção, respeito e afetividade).

Folder Parte Interna - Propostas de novas soluções para o país (Brasil) // O folder é apresentado no formato sanfona, para passar a idéia de uma estrutura linear, fazendo com que ao abrir o folder as cenas formem uma sequência linear com mudanças de cenas e cortes de cenários que eram características muito presentes no clip.
As cores foram trabalhadas em tons pastéis como no clip, mas com a utilização das cores verde, amarelo, azul e preto para fazer alusão com as cores da bandeira.

Folder Para Externa - Propostas de novas soluções para o país (Brasil) // As formas em vetor e o contraste entre preto e branco utilizados na página de revista e na capa do folder se suavizam com o conteúdo interno composto com cores pastéis, suaves e alegres expressando um ar poético.
As formas circulares presentes na frente e no verso do folder são alusões as características do cão (manchas pretas no olho e no corpo, traços marcados).

Projeto: Fonte Etnográfica // Fonte dingbat inspirada na proposta de Etnodesign, levantada pelo designer José Francisco Sarmento Nogueira. Esta proposta tem como objetivo resgatar valores culturais e simbólicos indígenas, trazendo estes para universidades de design como forma de estudo e pesquisa. Ao desenvolver a fonte baseei-me em ornamentos de cestarias produzidas pelo povo M'byá Guarani, da aldeia de Paraty-Mirin, na qual José Sarmento estudou a fundo seus artefatos e seus aspectos simbólicos.

Projeto: Revista pós-moderna canônica - Revista Entropia // A palavra Entropia vem da junção das palavras Entropy (Entropia, em português, a medida de desordem num sistema) e Utopia (um lugar fictício perfeito). Junção perfeita para o conceito do design pós-moderno canônico da revista . Ao abrir a revista a capa e a contra capa se comportam como pôster, e a marca passa a ter duplo e até triplo sentido de leitura, devido sua legibilidade.

Projeto: Hiperconsumo // Projeto gráfico de uma campanha nacional envolvendo folder, micas, marketing viral, e intervenção urbana para conscientizar os consumidores da classe A e B, que freqüentam centros de consumo excessivo como shopping centers, fast foods, e em geral são manipulados pelo universo lúdico criado pelas marcas, sobre as artimanhas praticadas na produção e na publicidade das corporações como, Nike, McDonalds, Shell e Victória’s Secret.

Projeto: Jornal Direto // Desenvolvimento de um jornal popular vespertino, assim como seu grid de construção e marca.

Projeto: Editorial - Livro Infanto Juvenil para a editora Companhia das Letras // A Foca Branca de Rudyard Kipling.

Projeto: Livro Objeto - As Cidades Invisíveis de Italo Calvino // A diagramação é trabalhada de uma forma com que os contos não se disponham de uma maneira monótona, e a partir do momento que as ilustrações forem aparecendo elas irão compor os contos que estão em suporte transparente (papel vegetal). Apesar do livro tratar-se de contos de viagens vividas e contadas por Marco Polo, decidi me utilizar de um clima frio (o invisível) para que o leitor sinta o clima quente dos contos a partir do momento em que os lerem.

Projeto: Livro Objeto - As Cidades Invisíveis de Italo Calvino // O conceito do livro partiu de seu próprio nome. O palavra invisível remete as palavras: frieza, transparência, branco, prata, cinza e descoberta. A partir deste brainstorm o livro ganhou um clima de descoberta com ilustrações vincadas (invisíveis) no papel, fazendo com que o leitor tenha uma nova descoberta há cada conto ao decalcar as mesmas com o lápis uma a uma, desenhar na areia branca no fundo da caixa suas descobertas e sensações e sentir cada suporte utilizado com suas cores frias e transparentes.

Projeto: Série mídia cards // Esta série tem como proposta traduzir minha personalidade através de figuras de linguagens, tais como: Hipérbole, metáfora, sinestesia, onomatopéia e paradoxo (da esquerda para direita).

Projeto: Série mídia cards - Colagem // O primeiro card chama "O caos da cidade" é uma representação de onomatopéia (Batidas de carro, orelhão tocando, avião passando). O segundo chama "O stress diário", este representa o som (Barulho constante das Tvs e o sol latente). O terceiro chama " Ninguém é igual" representa cromia e profundidade (Cenários neutros, formas se destacam por suas cores e posicionamentos / Cada cor transmite seu papel no espaço). O quarto chama "Robôs da modernidade" representa também a onomatopéia (O clic insano dos tempos modernos).

Projeto: Cross Culture Design - Sense of Community // Intercâmbio de postais entre Brasil, México, África do Sul e Austrália. Estes postais tinham o objetivo de mostrar a estes países a visão estrangeira de outros países através de composições (postais). Os postais acima mostram a minha visão em relação ao México, África do Sul e Austrália (da esquerda para a direita). Resolvi compor estes postais com os animais mais simbólicos de cada país juntamente com os aspectos climáticos transmitidos pelas cores e aspectos culturais como por exemplo as pinturas rupestres representada no postal da Austrália e a vida noturna cotidiana representada no postal da África do Sul.

Trabalhos Acadêmicos

Fotos: Paula Rúpolo e Maira Bedin

Type
Design Gráfico
URL
www.flickr.com/photos/karol_lopo/